JOVENS SÃO VÍTIMAS DE MAIS DE 50% DOS HOMICÍDIOS NO MARANHÃO - Randyson Laércio

Post Top Ad

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

JOVENS SÃO VÍTIMAS DE MAIS DE 50% DOS HOMICÍDIOS NO MARANHÃO

Dados do anuário brasileiro de Segurança Pública apontam um percentual preocupante de pessoas na faixa etária dos 15 aos 29 anos cujas vidas foram interrompidas pela violência.

“Homem é assassinado a tiros na estrada da Maioba”.  “Adolescente é assassinado com quatro tiros na Cidade Olímpica”.  Estas duas notícias das páginas policiais divulgadas pela imprensa maranhense em 2011 refletem uma realidade preocupante a respeito dos números sobre a violência no Estado: a grande quantidade de jovens na faixa etária dos 15 as 29 anos que integram as estatísticas dos homicídios.

A sétima edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública divulgado hoje apresenta dados que colocam a juventude maranhense é uma das maiores vítimas da onda de violência que atormenta a população. Nos anos de 2010 e 2011, mais da metade dos homicídios registrados no Maranhão teve como vítimas pessoas na faixa etária dos 15 aos 29 anos. Em 2010 o percentual de pessoas nesta faixa etária vitimadas pela violência foi de 55% dos total de homicídios registrados naquele ano.

Em 2011, esse percentual teve uma leve redução,  mas ainda continuou acima do patamar de 50% e dos 1.573 casos ocorridos no Maranhão, relacionados a mortes provocadas pela violência,  810 tiveram como vítimas pessoas na faixa etária dos 15 aos 29 anos. O estado é uma das unidades da federação, onde o aumento da taxa de homicídio cresceu mais de 10% nos últimos anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad