SUMIÇO DE PMS EM BURITICUPU PODE DERRUBAR CÚPULA DA SEGURANÇA - Blog do Randyson Laércio

Post Top Ad

sábado, 18 de fevereiro de 2017

SUMIÇO DE PMS EM BURITICUPU PODE DERRUBAR CÚPULA DA SEGURANÇA

Policiais podem ter sido mortos em uma trama que envolve roubo de cargas, de madeira e por relação com o tráfico de drogas em uma das regiões mais violentas do Maranhão; episódio, que completou três meses na sexta-feira, 17, parece acobertado pela própria polícia.


A pressão de entidades de direitos humanos e a cobrança de familiares do próprio governador, podem levar o comunista Flávio Dino a demitir toda a cúpula da Segurança Pública por causa do desaparecimento de dois policiais militares em Buriticupu.
Os PMs Carlos Alberto Constantino Sousa e Júlio César da Luz Pereira desapareceram em 17 de novembro de 2016.
Este blog já publicou áudios de testemunhas que afirmam terem visto os dois policiais sendo conduzidos por oficiais da própria PM, ocasião em que desapareceram. (Releia aqui)
Há suspeitas de que os policiais tenham desaparecido como queima-de-arquivo de uma trama que envolveria roubo de cargas, extração ilegal de madeira e tráfico de drogas na região do Gurupi.
Caminhonete na qual foram encontrados dois corpos queimados; silêncio da polícia
Em janeiro, dois corpos carbonizados foram encontrados em uma caminhonete queimada, em Pastos Bons. (Leia aqui)
A polícia nunca deu resposta do exame nos corpos.
Membros de entidades de direitos humanos e familiares do próprio governador ligados à Sociedade dos Direitos Humanos estariam acusando a cúpula da Segurança Pública de minimizar as investigações para acobertar eventuais envolvidos da própria segurança.
Diante da pressão, Flávio Dino pode derrubar toda a cúpula para dar uma resposta à sociedade.
Até agora, ninguém fala sobre o sumiço dos PMs…
Blog Marco Deça

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad