IMPUNIDADE: HOJE FAZ UM ANO QUE FUNCIONÁRIO DA BIG BEN FOI ASSASSINADO - Randyson Laércio

Post Top Ad

segunda-feira, 15 de abril de 2013

IMPUNIDADE: HOJE FAZ UM ANO QUE FUNCIONÁRIO DA BIG BEN FOI ASSASSINADO


Fagner Cruz da Silva, 31, era  sub-gerente da Drogaria  Big Bem em Bacabal, foi executado a tiro de revólver na noite do dia 15 de abril de 2012 no bairro Vila  Frei Solano na cidade  de  Bacabal.

Na época o  jovem trafegava em sua motocicleta, quando tentou desviar de um buraco, desequilibrou-se e por pouco não atingiu uma pessoa que passava no local.

A outra pessoa estava numa bicicleta e foi identificada por Valdenilson Santos, conhecido por “Valdo” que, exaltado, discutiu com a vítima.

Fagner Cruz foi para a casa do seu irmão tambem no mesmo bairro e lá permaneceu sentado na porta de casa. O acusado do crime passou na rua, se aproximou e desferiu golpes de coronha na cabeça da vítima, quando Fagner tentou se levantar, “Valdo” atirou à queima-roupa na cabeça de Fagner que morreu no local.

O acusado já tem várias passagens pela delegacia de Polícia, inclusive por crime de homicídio. Na  mesma noite, policiais civis e militares realizaram várias diligências na cidade mas não conseguiram localizar o acusado.

Após er instaurado o inquérito policial foi pedida a prisão preventiva do acusado. Ele ficou foragido por um bom tempo, somente depois que o mesmo se apresentou no forum da comarca de Bacabal onde ele conseguiu a revogação de sua prisão.

O acusado de cometer este crime sempre foi frio e calculista, na verdade não foi a primeira vítima que ele fez, o mesmo premeditou a morte de Fagner Cruz que era uma pessoa de bem, trabalhava e tinha sua família.

Esse é mais um caso de tantos que não teve justiça. Até hoje a justiça de Bacabal não chegou para mais uma caso que acabou ficando inpune. O acusado de ter praticado essa barbaridade está em liberdade andando livremente pelas ruas de Bacabal como se não tivesse acontecido nada.

QUE PENA! ESSA É A NOSSA JUSTIÇA ...


3 comentários:

  1. É mais é assim mesmo e quando tentan fazer justiça.os jurados que é a propia populaçao simplesmente absorvem...ai fica de graça !!! Ô bicho que tem sorte, é assasino em Bacabal !!!

    ResponderExcluir
  2. na familia desse cara que foi morto não tem macho não?

    ResponderExcluir
  3. O problema de ser jurado em Bacabal é se condenado, o assassino, quando sair em liberdade vai perseguir os jurados. To juri deveria acontecer numa cidade longe do crime.

    ResponderExcluir

Post Top Ad