MARANHÃO ATINGE MAIS DE 90% DE COBERTURA DA VACINAÇÃO CONTRA GRIPE - Blog Randyson Laércio

Post Top Ad

quinta-feira, 21 de junho de 2018

MARANHÃO ATINGE MAIS DE 90% DE COBERTURA DA VACINAÇÃO CONTRA GRIPE

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), mobilizou os 217 municípios para Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza. O Maranhão superou a meta do Ministério da Saúde e registrou, até o momento, 90.50% de cobertura vacinal no estado. A vacinação será encerrada nesta sexta-feira (22). 

No Maranhão, 180 municípios atingiram a meta de 90% de cobertura vacinal, correspondendo a 82,94% do estado imunizado. Foram 1.336.922 doses aplicadas da vacina contra gripe. No ranking de imunização, alguns municípios vacinaram acima do público previsto como Afonso Cunha que ocupa a primeira posição com 123,74% de cobertura vacinal sendo 1.663 doses aplicadas, seguido de São Domingos do Maranhão com 114,28% e 8.485 doses aplicadas. No terceiro lugar está Brejo de Areia com o registro de 114,18% e 1.345 doses aplicadas, depois São Roberto com 113,76% de cobertura e 1.298 doses aplicadas. 

A Campanha de Vacinação contra a Influenza teve início no Maranhão no dia 23 de abril e prossegue até o dia 22 de junho, com o cumprimento do cronograma para a imunização dos grupos prioritários. Com a realização da vacinação, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) visa reduzir as complicações e mortes decorrentes das infecções pelo vírus da influenza na população alvo para a vacinação. A vacina que está sendo aplicada na campanha é a trivalente, que protege contra os vírus da influenza A (H1N1), A (H3N2) e B. 

O grupo prioritário é formado por idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, povos indígenas, professores das escolas públicas e privadas, crianças na faixa etária de seis meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses, 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), grupos de portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, além da população privada de liberdade.  

A chefe do Departamento de Doenças Imunopreveníveis da SES, Helena Almeida, reiterou que o objetivo da vacinação é reduzir a mortalidade, complicações e hospitalização por infecções pelo vírus da influenza na população alvo da vacinação. “A vacinação de mais de 80% do público-alvo no Maranhão, priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias, evita epidemias e protege a população contra Influenza e de suas complicações”.  

Vacinação
A partir do dia 25 de junho, caso haja disponibilidade de vacinas nos municípios do Maranhão, a vacinação também poderá ser estendida para crianças de cinco a nove anos de idade e adultos de 50 a 59 anos. E, ainda, continuar vacinando os grupos prioritários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad