MARANHÃO REGISTRA QUEDA DE 26% NO NÚMERO DE INSCRITOS DO ENEM - Randyson Laércio

Post Top Ad

quinta-feira, 1 de junho de 2017

MARANHÃO REGISTRA QUEDA DE 26% NO NÚMERO DE INSCRITOS DO ENEM


Apenas 257.368 inscritos  deverão fazer as provas do Enem nos dias 5 e 12 de novembro deste ano
Apenas 257.368 inscritos deverão fazer as provas do Enem nos dias 5 e 12 de novembro deste ano (Foto: Divulgação)
Thiago Bastos
Da equipe de O Estado
SÃO LUÍS - O Maranhão apresentou uma queda de 26% no número de inscritos que se submeterão, nos dias 5 e 12 de novembro deste ano, ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). De acordo com dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o estado registrou 257.368 inscritos em 2017, enquanto que, em 2016, foram 347.927 pessoas aptas a fazer o exame.
O número de inscritos deste ano no estado é o pior dos últimos quatro anos. Em 2013, por exemplo, o Maranhão apresentou 250.164 inscritos, saldo considerado baixo para os padrões do país. Em contrapartida, apesar da queda do número de candidatos, o Maranhão é o quarto da Região Nordeste em quantidade de inscritos, perdendo apenas para os estados da Bahia (425.562 inscritos), de Pernambuco (343.345 inscritos) e Ceará (341.393 inscritos).
Dentre os fatores para a queda no número de interessados no Enem no estado, está a elevação, anunciada para este ano, no valor das inscrições (de R$ 68 para R$ 82). O aumento no custo foi motivo de reclamação dos estudantes e, em especial, dos pais e responsáveis legais, que consideraram a medida como “abusiva”.
Em contrapartida, o Ministério da Educação (MEC) informou que o crescimento nos custos da organização do certame justifica a mudança no valor da tarifa de inscrição. De acordo com o MEC, além de anunciar com antecedência a mudança – o que em tese foi favorável aos estudantes que tiveram tempo de se organizar para o custeio da taxa – o Governo Federal também abriu possibilidade para que estudantes com baixa renda possam ter isenção no valor da taxa.
No estado, instituições como a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e o Instituto Federal do Maranhão (Ifma) usam o Enem como referência para a seleção dos alunos. Por outro lado, a Universidade Estadual do Maranhão (Uema) descarta o certame federal e promove o seu próprio vestibular.
Relembre
No ano passado, devido aos protestos organizados por estudantes contra o Governo Federal em locais de prova, o Enem ocorreu em duas etapas e no mês de dezembro. Na primeira fase, mais de 342 mil candidatos no Maranhão se submeteram às provas. Já na segunda aplicação, outros 5.900 candidatos responderam às questões.
Ano ---------------------------Inscrições/ Enem Maranhão
2012 ------------------- 224.574
2013 ------------------- 250.164
2014 ------------------- 305.470
2015 ------------------ 270.600
2016 ------------------ 347.927
2017 ------------------ 257.368
Fonte: Inep

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad