VAZAMENTO DO VAZAMENTO - Randyson Laércio

Post Top Ad

quarta-feira, 22 de março de 2017

VAZAMENTO DO VAZAMENTO



Vazamento do vazamento
Uma estranha coincidência marca a Operação Turing, da Polícia Federal - que levou para a cadeia na manhã de ontem um servidor da própria PF, empresários e blogueiros, acusados de formar uma “organização criminosa” com objetivo de atrapalhar investigações policiais - e a exoneração do secretário-adjunto de tecnologia da Secretaria de Administração Penitenciária do governo Flávio Dino (PCdoB), Danilo dos Santos Silva.
Danilo é policial federal e foi apontado na investigação - que começou em 2015 - como cabeça do suposto esquema. Nesse período, ocupava o cargo de adjunto no governo comunista. Estranhamente, porém, o governo decidiu exonerá-lo -, em publicação no Diário Oficial do Estado do dia 9 de março. Exatamente 10 dias antes da operação da Polícia Federal.
Curiosamente, a Operação Turing visava coibir vazamentos de investigações outras. Como explicar, então, um possível vazamento da operação para evitar vazamentos.
O governo Flávio Dino emitiu nota, por meio da Seap, na qual afirma que a exoneração de Danilo dos Santos Silva se deu a pedido dele, por motivos particulares. Mas a saída “voluntária” do ex-secretário adjunto a poucos dias da operação da PF deixa, sim, margem para dúvidas. Mesmo porque, nos pedidos que o Ministério Público Federal e a Polícia Federal fizeram ao juiz Magno Linhares, da 2ª Vara da Justiça Federal, em São Luís, havia um de busca e apreensão na própria secretaria de Administração Penitenciária negado pelo magistrado.
Levanta-se suspeita, portanto, de um vazamento da operação contra vazamento.

Estado Maior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad