O FRACASSO DA "MUDANÇA" DE FLÁVIO DINO - Randyson Laércio

Post Top Ad

terça-feira, 10 de junho de 2014

O FRACASSO DA "MUDANÇA" DE FLÁVIO DINO

Todos os prefeitos eleitos em 2012 com o discurso da tal mudança inventada pelo chefe comunista Flávio Dino estão enfrentando forte desgaste popular, resultado direto da incompetência administrativa e das promessas de campanha não cumpridas.
E São Luís, com Edivaldo Holanda Júnior, não é o único exemplo do fracasso.
RIBAMAR: A MUDANÇA DO CHEFÃO EM SANTA INÊS
É assim em Timon, em Santa Inês, em Balsas e em Caxias, municípios escolhidos pelo chefão para serem vitrines de seu projeto de poder.
Em todos estes municípios, o povo se sente enganado com as promessas do consórcio criado pelo chefão – que tem obsessão por ser eleito antes dos 50 anos – e já começam a repensar os erros que cometeram apostando na tal mudança.
A MUDANÇA EM TIMOM, COM OS LEITOA, É UM FRACASSO RETUMBANTE 
Em Timon, o prefeito Luciano Leitoa não consegue conduzir, sequer, uma gestão no sistema de saúde. Em Santa Inês, o prefeito Ribamar Alves (PSB) tenta reprimir as manifestações quase que diárias. Em Caxias, o prefeito Leo Coutinho (PSB) sofre do mesmo problema de São Luís, com a falta de experiência respingando na administração.
OS IRMÃOS ROCHA: FRACASSO EM BALSAS

E em Balsas o pior cenário, com o prefeito Luiz Rocha Filho, o Rochinha (PSB), em uma administração completamente perdida.São fracassos administrativos de quem não tem experiência alguma para o exercício do poder é foi eleito na onda de uma tal mudança que se experimentou apenas no gogó, não na prática.
E só agora começa a mostrar os riscos de sua implantação em âmbito estadual.
AVAL COMUNISTA TAMBÉM PARA LÉO COUTINHO
Responsável direto pela eleição destes prefeitos, Flávio Dino tem agido no interior da mesma forma que em São Luís: evita relacionar seu nome aos dos gestores desgastados, para preservar o próprio projeto pessoal de poder.
As pesquisas qualitativas mostram que estes prefeitos – incluindo Edivaldo Junior (PTC), em São Luís – amargam índices de reprovação superiores a 70%.
Flávio Dino sabe disso e tenta se eximir das responsabilidades.
Vai conseguir???

Blog do Marco Deça

Um comentário:

  1. O que dizer da administração do prefeito de Bacabal, Zé Alberto, apoiado pela Governadora, Senador, Deputado Federal (seu filho) e Deputado Estadual. Assim como ele, existem casos semelhantes de prefeitos em péssima situação com seus eleitores. Convém lembrar que apoiados pela Governadora. E aí?

    ResponderExcluir

Post Top Ad