CERCA DE 500 MIL CRIANÇAS DEVEM SER VACINADAS NO MARANHÃO - Randyson Laércio

Post Top Ad

quinta-feira, 6 de junho de 2013

CERCA DE 500 MIL CRIANÇAS DEVEM SER VACINADAS NO MARANHÃO

A Campanha Nacional Contra a Poliomielite tem o dia D marcado para esse sábado (8). Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES), a população alvo a ser vacinada no Maranhão é de 583.581 mil crianças com idade entre os seis meses e menores de cinco anos e a meta é atingir no mínimo 95% deste grupo, o que corresponde a 554.402 crianças.
No primeiro dia de campanha, 8.406 pessoas trabalharão em mais de 1.794 postos de vacinação e serão utilizados 779 veículos. A campanha, diferente dos anos anteriores, será realizada em apenas uma etapa (no mês de junho) e se estenderá até o dia 21 deste mês em todos os 217 municípios maranhenses.
Na capital maranhense
Em São Luís, a vacinação contra a paralisia infantil será, também, coordenada pela Secretaria Municipal de Sáude, neste sábado (8). Serão 269 postos de vacina instalados em centros de saúde, hospitais, praças, associações, escolas, shoppings, onde se espera vacinar cerca de 70 mil crianças.
Recomendação
As crianças que estiverem com a vacinação em dia podem se vacinar em qualquer posto de vacinação, onde receberão a dose via oral (gotinha). Quem estiver com a vacina atrasada ou iniciando a sequência da vacinação deve procurar uma unidade fixa de saúde, como centros de saúde, unidades de saúde, locais que serão disponibilizadas, para estes casos, a vacina na forma injetável que até meados de 2012 era oferecida apenas em clínicas especializadas.
Sobre a doença
A poliomielite é uma doença causada por um vírus, sendo transmitida de pessoa a pessoa, normalmente através do contato com as fezes contaminadas. A transmissão pode acontecer também pela contaminação da água e alimentos pelas fezes. O risco é maior em situações onde as condições de higiene são inadequadas. Soma-se o fato das crianças pequenas ainda não terem hábitos rígidos de higiene desenvolvidos. Por isso, são os pequenos os mais atingidos pela poliomielite. Não há tratamento para a poliomielite. A melhor forma de preveni-la é a vacinação.
Sinais da poliomielite
Os sintomas iniciais são parecidos com uma gripe associada com náuseas, vômitos e dores abdominais. Esse vírus é capaz de chegar ao sistema nervoso através da corrente sanguínea, podendo ocasionar paralisia total, principalmente, das pernas. A paralisia irreversível geralmente acomete uma em cada 200 infecções. Desses, de 5% a 10% morrem quando os músculos que permitem a respiração ficam imobilizados.
Prevenção no Brasil
A Campanha 2013 é a 34ª realizada no país que está livre do vírus da poliomielite desde 1990. A preocupação é com a possibilidade do surgimento de novos casos devido à importação do vírus de países ainda endêmicos ou de outros que restabeleceram a transmissão, muitos deles no continente africano.
Mesmo com os bons resultados alcançados, a proximidade com grandes eventos internacionais como a Jornada Mundial da Juventude, Copa das Confederações, Copa do Mundo e Olimpíadas que, naturalmente, aumenta o fluxo de turistas, acendeu o alerta sobre os riscos de reintrodução do vírus.
Erradicação
O 24º ano sem a doença no país, estando livre do poliovírus desde 1990. Assim deve se manter até a concreta certificação mundial da erradicação desse agente infeccioso. A vacinação tem como objetivo garantir a não reintrodução da doença no território brasileiro, com a manutenção de altas e homogêneas coberturas vacinais.
No Brasil, os últimos casos confirmados foram em 1989, no Rio Grande do Norte e na Paraíba.
A Vacina
A Vacina Oral contra a Poliomielite (VOP) é considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como a única capaz de viabilizar a erradicação global da poliomielite.
O Brasil e o Maranhão Vêm mantendo boas coberturas vacinais, no entanto é necessário garantir em todos os municípios a cobertura mínima de 95%, devido a existência do risco de reintrodução da infecção no país de casos provenientes de países endêmicos e daqueles que restabeleceram a transmissão.
Registro de casos
Apesar de o Brasil ter erradicado a doença, a poliomielite ainda existe em alguns países com centenas de casos confirmados. Em 2011 foram registrados 604 casos de poliomielite em todo o mundo, já em 2012, foram registrados 223 casos.
Locais onde há transmissão
- Países endêmicos: Afeganistão, Nigéria e Paquistão.
- Países que restabeleceram a transmissão: Angola, Chade e República do Congo.
- Países com ocorrência de casos devido a importações: Mali, Niger, Gabão, Costa do Marfim, Congo, China, Guiné, Quênia e Índia.
Imirante.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad